Blog Urologia - Dr. Petronio Melo

PSA Alterado: Entenda o Significado e os Próximos Passos a Seguir

psa alterado

Introdução

O que é o PSA (Antígeno Prostático Específico)?

O PSA, sigla para Antígeno Prostático Específico, é uma proteína produzida exclusivamente pela próstata – uma pequena glândula presente no sistema reprodutor masculino, responsável pela produção de parte do sêmen. O PSA desempenha um papel crucial na liquefação do sêmen, permitindo a livre movimentação dos espermatozoides. Em condições normais, uma pequena quantidade deste antígeno é liberada na corrente sanguínea, podendo ser mensurada através de exames de sangue.

Importância do PSA para a Saúde Masculina

A medição dos níveis de PSA é fundamental para a saúde masculina, principalmente a partir dos 40 anos de idade, quando a próstata começa a sofrer alterações relacionadas ao envelhecimento. O exame de PSA é uma ferramenta valiosa para a detecção precoce de condições que podem afetar a próstata, incluindo a hiperplasia prostática benigna (HPB), prostatites e, de maneira mais alarmante, o câncer de próstata.

A HPB é uma condição comum em homens mais velhos e é caracterizada pelo aumento benigno da próstata, que pode causar sintomas urinários desconfortáveis. Prostatites, por outro lado, referem-se a inflamações ou infecções na próstata, que também podem resultar em aumento dos níveis de PSA.

O câncer de próstata é a segunda neoplasia maligna mais comum em homens e a quinta maior causa de mortes por câncer no mundo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). O diagnóstico precoce desse câncer é vital para um tratamento eficaz e uma recuperação bem-sucedida, e o exame de PSA é um dos principais meios de alcançar essa detecção precoce.

Introduzindo o tema: PSA Alterado

Um resultado de PSA alterado é frequentemente um dos primeiros sinais de que algo não está certo com a próstata. No entanto, é importante notar que um PSA elevado nem sempre é indicativo de câncer. Outras condições benignas, como já mencionado, também podem causar um aumento nos níveis de PSA.

Em geral, considera-se que os níveis de PSA acima de 4,0 ng/mL são elevados, embora esse valor possa variar dependendo de uma série de fatores, como idade e raça. Também vale a pena notar que mesmo homens com níveis de PSA abaixo deste valor podem ter câncer de próstata, o que torna o diagnóstico um processo complexo que deve levar em conta vários fatores.

Ao longo deste artigo, iremos explorar o significado de um PSA alterado em detalhes, discutindo suas causas, sintomas associados, possíveis diagnósticos e tratamentos, bem como os próximos passos a serem seguidos após receber esse resultado.

Nossa missão é fornecer a você informações confiáveis e embasadas para ajudá-lo a entender o que um PSA alterado pode significar para a sua saúde, e destacar a importância de consultar um profissional de saúde para orientações personalizadas e apropriadas.

Essa é apenas a introdução da nossa discussão sobre o PSA alterado. Esperamos que você continue conosco nessa jornada informativa e, ao final da leitura, sinta-se mais esclarecido e pronto para tomar os próximos passos, se necessário.

Lembre-se, a informação é uma grande aliada, mas a avaliação médica é insubstituível. Se você tem preocupações sobre o seu PSA ou a saúde da sua próstata, não hesite em entrar em contato conosco para marcar uma consulta.

O que é um PSA Alterado?

Definindo PSA Alterado

Quando falamos em PSA alterado, estamos nos referindo a níveis de Antígeno Prostático Específico no sangue que estão acima do considerado normal. Como mencionado anteriormente, a produção de PSA é uma função natural da próstata, e uma pequena quantidade deste antígeno sempre estará presente na corrente sanguínea. No entanto, quando a próstata passa por algumas condições específicas, seja inflamação, infecção, hiperplasia ou neoplasia, sua produção de PSA pode aumentar, levando a um nível de PSA alterado.

Níveis Normais de PSA

Em geral, os níveis de PSA no sangue são medidos em nanogramas por mililitro (ng/mL). Um resultado de PSA abaixo de 4,0 ng/mL é muitas vezes considerado normal. No entanto, não existe um “limite seguro” universal para o PSA.

Alguns médicos consideram 2,5 ng/mL como o limite superior da normalidade, especialmente em homens mais jovens. Estudos têm mostrado que os níveis de PSA podem aumentar com a idade, portanto, alguns médicos utilizam faixas etárias para interpretar os resultados do PSA.

Vale ressaltar que esses valores são diretrizes, e não regras rígidas. O mais importante é a tendência dos níveis de PSA ao longo do tempo, chamada de velocidade do PSA. Um aumento acentuado no PSA ao longo do tempo pode ser um sinal de problema, mesmo que o nível absoluto ainda esteja dentro da faixa “normal”.

O que pode causar um aumento nos níveis de PSA?

Existem várias condições que podem causar um aumento nos níveis de PSA. Aqui estão as mais comuns:

Hiperplasia Prostática Benigna (HPB): À medida que os homens envelhecem, a próstata naturalmente tende a aumentar de tamanho. Este aumento benigno da próstata pode pressionar a uretra e causar sintomas urinários, e também pode resultar em níveis mais elevados de PSA.

Prostatite: A prostatite é uma inflamação ou infecção da próstata que pode ser causada por uma variedade de fatores. A prostatite pode causar sintomas desconfortáveis, incluindo dor pélvica e dificuldades urinárias, e também pode levar a um aumento nos níveis de PSA.

Atividade sexual recente: A ejaculação pode causar um aumento temporário nos níveis de PSA. Por isso, alguns médicos recomendam que os homens evitem a atividade sexual por pelo menos 48 horas antes de fazer um exame de PSA.

Exercícios vigorosos: Atividades físicas intensas, especialmente aquelas que colocam pressão sobre a próstata, como andar de bicicleta, podem temporariamente elevar os níveis de PSA.

Câncer de próstata: Em alguns casos, um PSA alterado pode ser um sinal de câncer de próstata. No entanto, é importante lembrar que o câncer de próstata só pode ser confirmado através de uma biópsia da próstata.

Para melhor interpretar o resultado de um exame de PSA alterado, é essencial levar em conta o histórico médico completo do paciente, bem como outros exames e sintomas. Afinal, embora um PSA alterado possa ser motivo de preocupação, ele não é, por si só, um diagnóstico. No próximo capítulo, exploraremos as várias condições que podem causar um PSA alterado em mais detalhes.

Esperamos que esta seção tenha ajudado a esclarecer o que significa um PSA alterado. Como sempre, se você tem alguma preocupação sobre seus níveis de PSA ou a saúde da sua próstata, não hesite em entrar em contato conosco para marcar uma consulta.

Causas de PSA Alterado

O aumento do nível do Antígeno Prostático Específico (PSA) no sangue pode ser causado por uma variedade de condições. É importante ressaltar que ter um PSA elevado não significa necessariamente que você tem câncer de próstata. Existem várias causas benignas que podem levar a um aumento do PSA. Abaixo, detalharemos algumas das causas mais comuns.

Prostatite

A prostatite é uma condição inflamatória que afeta a próstata. Ela pode ser causada por uma infecção bacteriana, embora em muitos casos a causa exata seja desconhecida. Os sintomas da prostatite podem incluir dor ou desconforto na região pélvica, dificuldade para urinar e, às vezes, sintomas semelhantes aos da gripe, como febre e calafrios.

A prostatite pode causar um aumento nos níveis de PSA porque a inflamação ou infecção faz com que a próstata produza mais desse antígeno. Uma vez que a prostatite é tratada e a inflamação diminui, os níveis de PSA geralmente voltam ao normal.

Hiperplasia Prostática Benigna (HPB)

A HPB é uma condição comum em homens mais velhos e é caracterizada pelo aumento benigno da próstata. À medida que a próstata aumenta de tamanho, ela pode começar a pressionar a uretra, levando a sintomas como aumento da frequência urinária, especialmente à noite, e dificuldade em iniciar e interromper o fluxo de urina.

Como a próstata está maior na HPB, ela pode produzir mais PSA do que o normal, levando a um aumento nos níveis desse antígeno no sangue. O tratamento da HPB pode envolver medicamentos para reduzir o tamanho da próstata ou relaxar os músculos da próstata, ou em alguns casos, cirurgia.

Câncer de Próstata

O câncer de próstata é uma das causas mais graves de um PSA elevado. Este tipo de câncer ocorre quando as células da próstata começam a crescer de forma descontrolada. Em muitos casos, o câncer de próstata cresce muito lentamente e não causa sintomas. No entanto, alguns tipos de câncer de próstata podem crescer e se espalhar rapidamente.

Os sintomas do câncer de próstata podem ser semelhantes aos da HPB, incluindo dificuldade para urinar e aumento da frequência urinária. Como o câncer de próstata pode causar um aumento na produção de PSA, o exame de PSA é uma ferramenta valiosa para a detecção precoce desse tipo de câncer.

No entanto, é importante lembrar que um PSA elevado por si só não é suficiente para diagnosticar o câncer de próstata. Se você tem um PSA elevado, seu médico pode recomendar outros exames, como um toque retal ou uma biópsia da próstata, para confirmar o diagnóstico.

Outras Causas

Existem também várias outras causas potenciais para um aumento nos níveis de PSA. Estas podem incluir atividade sexual recente, lesão ou trauma na próstata, uso de certos medicamentos e até mesmo alguns procedimentos médicos.

Para concluir, embora um PSA alterado possa ser motivo de preocupação, existem muitas causas possíveis que são benignas. É importante não tirar conclusões precipitadas, mas sim consultar um profissional de saúde para um diagnóstico preciso.

Nos próximos capítulos, discutiremos o que fazer quando você tem um PSA alterado, e quais são os possíveis tratamentos para as condições que podem causar essa alteração. Como sempre, se você tiver alguma preocupação sobre o seu PSA ou a saúde da sua próstata, entre em contato conosco para marcar uma consulta.

Sintomas Relacionados ao PSA Alterado

Enquanto um exame de sangue para o Antígeno Prostático Específico (PSA) elevado muitas vezes não apresenta sintomas em si, as condições que causam esse aumento podem resultar em uma série de sinais clínicos. Vamos analisar os sintomas mais comuns associados às três principais causas de um PSA elevado: prostatite, hiperplasia prostática benigna (HPB) e câncer de próstata.

Sintomas da Prostatite

A prostatite, uma inflamação ou infecção da próstata, pode causar uma variedade de sintomas, que variam dependendo da causa específica. Em muitos casos, os homens com prostatite podem experimentar:

  • Dor ou desconforto na região pélvica, abdômen ou parte inferior das costas
  • Sintomas urinários, como um fluxo de urina fraco ou interrompido, dor ou ardor ao urinar e uma necessidade urgente de urinar
  • Sintomas semelhantes aos da gripe, como febre, calafrios e mal-estar, especialmente se a prostatite for causada por uma infecção bacteriana
  • Dor ao ejacular
  • Disfunção erétil em alguns casos

Sintomas da Hiperplasia Prostática Benigna (HPB)

A HPB é uma condição comum que geralmente afeta homens mais velhos, caracterizada pelo aumento benigno da próstata. Os sintomas associados à HPB são geralmente o resultado do aumento da próstata pressionando a uretra, que transporta a urina da bexiga para fora do corpo. Os homens com HPB podem experimentar:

  • Aumento da frequência urinária, especialmente à noite
  • Dificuldade para iniciar e interromper o fluxo de urina
  • Sensação de que a bexiga não está completamente vazia mesmo após urinar
  • Fluxo de urina fraco ou gotejamento após urinar

Sintomas do Câncer de Próstata

O câncer de próstata é uma doença grave que pode causar um aumento nos níveis de PSA. Nos estágios iniciais, o câncer de próstata muitas vezes não causa sintomas. No entanto, à medida que a doença progride, os homens podem experimentar:

  • Sintomas urinários semelhantes aos da HPB, incluindo aumento da frequência urinária e dificuldade para urinar
  • Presença de sangue na urina ou no sêmen
  • Dor na região pélvica, costas ou quadris
  • Disfunção erétil

No entanto, é importante lembrar que esses sintomas não são exclusivos do câncer de próstata e podem ser causados por uma variedade de outras condições. É sempre importante procurar aconselhamento médico se você estiver preocupado com os sintomas.

Diagnóstico e Exames Complementares

Quando um paciente apresenta níveis elevados de PSA, isso pode indicar a necessidade de uma avaliação mais aprofundada para identificar a causa do aumento. No entanto, um PSA elevado, por si só, não é suficiente para fazer um diagnóstico específico. Vejamos mais de perto como os médicos normalmente procedem após um resultado de PSA alterado.

Consulta Médica e Exame Físico

Inicialmente, o médico irá conversar com o paciente sobre seus sintomas, histórico médico e histórico familiar. Isso é seguido por um exame físico, que pode incluir um toque retal. Este exame permite ao médico sentir o tamanho, forma e textura da próstata, o que pode fornecer informações importantes, como a presença de nódulos ou endurecimento que podem sugerir câncer de próstata.

Exames Complementares

Se o exame físico e o histórico médico sugerirem a necessidade de uma investigação mais aprofundada, o médico pode solicitar exames complementares. Esses podem incluir:

  • Biópsia da Próstata

A biópsia da próstata é um procedimento em que pequenas amostras de tecido da próstata são removidas e examinadas ao microscópio para verificar a presença de células cancerígenas. Embora seja mais invasivo e possa causar algum desconforto, é o único exame que pode confirmar definitivamente o diagnóstico de câncer de próstata.

  • Ressonância Magnética

A ressonância magnética da próstata é um exame não invasivo que usa campos magnéticos para criar imagens detalhadas da próstata. Ela pode ser útil para identificar áreas suspeitas que podem ser cancerígenas e pode ajudar a orientar uma biópsia da próstata.

  • Ultrassonografia Transretal

A ultrassonografia transretal é um exame em que uma pequena sonda de ultrassom é inserida no reto para obter imagens da próstata. Este exame pode ajudar a identificar quaisquer anormalidades na próstata e a orientar uma biópsia da próstata, se necessário.

Próximos Passos após um Resultado de PSA Alterado

Se você tem um resultado de PSA alterado, é natural sentir-se ansioso ou preocupado. No entanto, é importante lembrar que um PSA elevado não significa necessariamente que você tem câncer de próstata. Existem muitas causas possíveis para um aumento do PSA, como discutimos anteriormente.

O próximo passo após um resultado de PSA alterado é conversar com seu médico sobre suas preocupações. Juntos, vocês poderão discutir as melhores opções de avaliação adicional, com base nos seus sintomas, histórico médico, idade, saúde geral e valores do PSA.

No próximo capítulo, abordaremos as várias opções de tratamento para as condições que podem causar um aumento do PSA. Se você tem algum sintoma que o preocupa ou um PSA alterado, entre em contato conosco para marcar uma consulta e discutir seus próximos passos.

Tratamento e Acompanhamento

Quando um homem é diagnosticado com uma condição que eleva o PSA, existem várias opções de tratamento disponíveis, dependendo do diagnóstico específico. Vejamos algumas das principais condições e os tratamentos disponíveis.

Tratamento da Prostatite

Prostatite, uma inflamação ou infecção da próstata, é tratada dependendo do tipo de prostatite diagnosticado.

  • Antibióticos

Se a prostatite for causada por uma infecção bacteriana, o tratamento normalmente envolve um curso de antibióticos. A duração do tratamento pode variar de algumas semanas a vários meses, dependendo da gravidade da infecção.

  • Alívio dos Sintomas

Além dos antibióticos, outros medicamentos, como analgésicos, bloqueadores alfa (para relaxar os músculos da próstata) e banhos quentes, podem ser usados para aliviar os sintomas.

Tratamento da Hiperplasia Prostática Benigna (HPB)

O tratamento da HPB depende da gravidade dos sintomas e da maneira como eles afetam a qualidade de vida do paciente.

  • Medicamentos

Os medicamentos são geralmente a primeira linha de tratamento. Eles incluem alfa-bloqueadores, que relaxam os músculos da próstata, e inibidores da 5-alfa-redutase, que ajudam a reduzir o tamanho da próstata.

  • Cirurgia

Se os medicamentos não forem eficazes ou se os sintomas forem graves, a cirurgia pode ser uma opção. Existem várias opções cirúrgicas disponíveis, incluindo ressecção transuretral da próstata (RTU) e procedimentos minimamente invasivos.

Tratamento do Câncer de Próstata

O câncer de próstata é uma das principais causas de morte entre os homens, mas muitos homens com câncer de próstata não morrem da doença e vivem com qualidade. Existem várias opções de tratamento disponíveis, incluindo:

  • Vigilância Ativa

Em alguns casos, principalmente em cânceres de baixo risco, a vigilância ativa pode ser a melhor opção. Isso envolve o monitoramento regular da doença sem um tratamento ativo imediato, com a opção de passar para o tratamento ativo se a doença mostrar sinais de progressão.

  • Cirurgia

A prostatectomia radical, que é a remoção total da próstata e das vesículas seminais, é um tratamento comum para o câncer de próstata. Com o avanço da tecnologia, a cirurgia robótica oferece menos invasão, menos dor e uma recuperação mais rápida.

  • Radioterapia

A radioterapia usa radiação para matar as células cancerígenas. Ela pode ser aplicada de fora do corpo (radioterapia externa) ou de dentro do corpo (braquiterapia).

Acompanhamento Regular e Exames de Rastreamento

Após o tratamento, é crucial manter o acompanhamento regular com seu urologista. Dependendo do diagnóstico e do tratamento, este acompanhamento pode incluir um exame físico regular, testes de PSA e outros exames de imagem. O objetivo do acompanhamento é monitorar qualquer sinal de recorrência da doença e tratar quaisquer efeitos colaterais do tratamento.

É importante lembrar que cada paciente é único, e o melhor plano de tratamento será aquele personalizado para as necessidades específicas do paciente. Se você tem um resultado de PSA alterado, é essencial discutir com seu médico as melhores opções de tratamento para você.

Lembre-se, a detecção precoce é fundamental para o sucesso do tratamento de muitas condições urológicas. Por isso, é vital fazer exames regulares e manter uma boa comunicação com seu médico. No próximo capítulo, exploraremos como você pode manter a saúde da sua próstata e prevenir um PSA elevado.

Conclusão

Nesta jornada detalhada através do vasto tópico do PSA alterado, abordamos sua importância para a saúde masculina e o papel crucial que desempenha no diagnóstico e monitoramento de várias condições urológicas.

Revisamos que o PSA, ou Antígeno Prostático Específico, é uma proteína produzida pela próstata. A análise dos níveis de PSA no sangue é um dos métodos mais eficazes para identificar potenciais problemas na próstata, incluindo prostatite, Hiperplasia Prostática Benigna (HPB) e câncer de próstata.

O Significado de um PSA Alterado

Exploramos o significado de um PSA alterado, enfatizando que níveis elevados de PSA não são necessariamente um indicador de câncer. De fato, diversas condições benignas, como a prostatite e a HPB, também podem causar um aumento do PSA. No entanto, um PSA elevado é um sinal de que algo não está certo e que um acompanhamento médico é necessário.

A Importância do Diagnóstico e Acompanhamento

Em seguida, mergulhamos no processo de diagnóstico após um resultado de PSA alterado, incluindo a importância da anamnese, exame físico, biópsia da próstata e exames de imagem, como a ressonância magnética. Abordamos as várias opções de tratamento para as condições que podem causar um PSA alterado e a importância do acompanhamento regular após o tratamento.

PSA Alterado – Não é o Fim

Um PSA alterado não é, por si só, um diagnóstico, mas sim um sinal de alerta. É uma ferramenta valiosa no arsenal da medicina que ajuda os médicos a diagnosticar e tratar problemas de saúde masculina. O mais importante a lembrar é que um resultado de PSA alterado é o primeiro passo, não o último. Exige acompanhamento, diálogo e, em alguns casos, tratamento, mas não é uma sentença.

O tratamento das condições que podem levar a um PSA alterado tem avançado rapidamente nos últimos anos, e a maioria dos homens com essas condições leva uma vida saudável e satisfatória. Muitas vezes, uma mudança no estilo de vida, medicamentos ou procedimentos minimamente invasivos podem trazer alívio e controle dos sintomas.

A Importância da Prevenção e Exames Regulares

Finalmente, mas não menos importante, é crucial destacar a importância dos exames regulares de saúde masculina. Homens acima de 50 anos, ou aqueles com risco aumentado, devem realizar exames de PSA regularmente. A detecção precoce é a chave para muitas condições, incluindo o câncer de próstata.

Lembre-se, é sempre melhor prevenir do que remediar. A manutenção de um estilo de vida saudável, uma alimentação equilibrada, a prática regular de exercícios físicos, o controle do peso e a realização de exames de rotina são todas medidas importantes para manter a saúde da próstata.

Um PSA alterado pode ser assustador, mas com conhecimento, acompanhamento médico e ações apropriadas, você pode tomar as rédeas da sua saúde e viver bem. Você não está sozinho nesta jornada. Profissionais de saúde, como eu, Dr. Petronio Melo, estão aqui para orientar, apoiar e cuidar de você em cada etapa do caminho.

Aqui terminamos nossa discussão detalhada sobre o PSA alterado. Esperamos que este artigo tenha lhe proporcionado uma visão profunda e útil sobre este importante tópico de saúde masculina. Lembre-se, a informação é poder. Com ela, você está equipado para cuidar da sua saúde e tomar decisões informadas.

Para qualquer dúvida ou necessidade de consulta, não hesite em entrar em contato. Estou à sua disposição e pronto para ajudá-lo em sua jornada de saúde. Saúde e longevidade para todos nós!

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Categorias
urologista

Dr. Petronio Melo

CRM-SP 157.598 – RQE 70.725

  • Doutorado pela Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo (USP)
  • Certificação em Cirurgia Robótica pela Intuitive Surgical
  • Membro da American Urological Association (AUA)
  • Membro da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU)

DÚVIDAS?

Categorias
urologista

Dr. Petronio Melo

CRM-SP 157.598

– Urologista, Andrologista e Cirurgião Robótico

– Certificação em Cirurgia Robótica pela Intuitive Surgical (Sunnyvale, Califórnia, EUA).

– Doutorado na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP)

DÚVIDAS?

Agende com um especialista

Agora que você está munido de conhecimento e informações sobre o PSA alterado, é hora de dar o próximo passo. O conhecimento é apenas o primeiro estágio na jornada para a saúde e bem-estar. O próximo estágio requer ação.

Lembre-se, você não está sozinho nessa jornada. Como médico urologista e cirurgião robótico, estou aqui para orientar, apoiar e cuidar de você em cada etapa do caminho. Se você está preocupado com um resultado de PSA alterado ou tem outros problemas urológicos, estou à sua disposição para ajudar.

Seja para esclarecer dúvidas, discutir preocupações ou realizar exames de PSA e outros testes diagnósticos, estou à disposição para auxiliar. Agendar uma consulta é o primeiro passo para entender e gerenciar sua saúde. Oferecemos uma ampla gama de serviços de urologia, incluindo diagnóstico, tratamento e acompanhamento de condições que podem causar um PSA alterado.

Nosso consultório está localizado na Rua Domingos de Morais, 2187, Bloco Paris – conj. 210, Vila Mariana, São Paulo, SP, Brasil, CEP 04035-000. Você pode entrar em contato conosco pelos telefones (11) 91060-1374 e (11) 2659-4092 para agendar uma consulta.

Nós acreditamos que a informação é poder. Quanto mais você sabe sobre sua saúde, mais capacitado você está para tomar decisões informadas. Além disso, a informação ajuda a aliviar o medo e a ansiedade que podem surgir quando se lida com questões de saúde. Neste sentido, encorajamos você a visitar nosso site drpetroniomelo.com.br para mais informações.

Nosso canal no YouTube, youtube.com/drpetroniomelo, é outra excelente fonte de informação. Nele, você encontrará vídeos educativos sobre uma variedade de tópicos de urologia.

Sua saúde é nossa prioridade. Cada homem é único e merece atenção individualizada. Independentemente de suas preocupações ou condições de saúde, nossa equipe está aqui para oferecer suporte e cuidados personalizados.

Não deixe que preocupações ou medos o impeçam de buscar ajuda e cuidados médicos. Se você ou um ente querido têm perguntas ou preocupações sobre o PSA alterado, estamos prontos para ajudar. Não hesite em entrar em contato conosco.

Lembre-se: você tem o poder de tomar controle de sua saúde. Estamos aqui para apoiar você em cada passo do caminho. Agende uma consulta hoje mesmo e dê o próximo passo na sua jornada para a saúde e o bem-estar.

Atendimento com Urologista

Entre em contato e agende a sua consulta 

São Paulo - SP

R. Domingos de Morais, 2187, Bloco Paris – conj. 210
Vila Mariana, CEP 04035-000

Atendimento online

Horário de atendimento: 08:00 às 20:00
consultorio urologia vila mariana

São Paulo, SP

Consulta presencial

favicon petronio melo

Telemedicina

Consulta online